A grande maioria das empresas, principalmente as de micro e pequeno porte, nos dias atuais, muito mais por pressão do meio econômico e empresarial do que por uma lógica racional, adotam, até mesmo inconscientemente, uma estratégia de “crescer para sobreviver”. Essa estratégia se resume nos seguintes pontos: – O indicador é faturamento – O plano é ser agressivo nas vendas – Os clientes são um meio para se atender uma necessidade (faturar) – Os concorrentes são adversários a serem batidos –…