Livros

Sai da Caixa Você Também



ISBN: 978-989-37-1840-7

Capa Comum (Brochura)

Páginas: 338

Dimensões: 22x14x2

Sai da Caixa Você Também

A jornada de resgate do ser humano autônomo, criativo e colaborativo

O que leva um executivo com 15 anos de carreira em uma empresa pública, com estabilidade, prestígio e alto salário a abandonar tudo e recomeçar a vida?

Ronaldo de Carvalho conta como buscou na filosofia, na arquitetura e na arte, inspiração para buscar sentido na vida fora da CAIXA.

Com uma narrativa forte e direta, adoçada com poesias, contos, músicas e charges produzidas pelo seu alter ego Nado Carvalho, o autor explica como o desejo de mudança de carreira o levou ao caminho sem volta do autoconhecimento e da consciência sobre o que são as caixas que limitam nossa vida e nos afastam da essência humana autônoma, criativa e colaborativa.

Versão Impressa: De 69,90 por R$ 49,90

FRETE GRÁTIS na compra com PIX

Versão E-book: R$ 19,00

O Autor

Ronaldo de Carvalho

Medium (Artigos / Blog)

Youtube (Músicas)

No Blog do Autor:

Por Ronaldo Carvalho

Futebol, religião e política não se discute, já diziam nossos avós, pais e tios. E devem ter razão, pois não sabemos o limite ou a diferença entre discussão e briga, e aí o medo de perder um amigo ou um cliente faz com que a gente evite esses assuntos, a não ser com quem a gente já sabe que está do mesmo lado, defendendo as mesmas bandeiras, cores e líderes. Fato é que a “sabedoria” popular coloca, desde sei lá quando, esses temas no mesmo balaio. E será que isso faz sentido? Alguns supostos mais “conscientes” refutam essa ideia, colocando a política como algo muito mais sério e importante pra nossa sociedade do que religião e futebol. E isso, faz sentido? Não sei, mas vou seguir com esse texto falando apenas de política, apesar de achar que, na essência todos esses assuntos são bem similares.

Política está virando um tabu

Iniciando a reflexão sobre o sentido que a política dá pra nossa vida, com base nessa dificuldade atual de conversar sobre política, proponho observar se não estariam aumentando o número de politicamente enrustidos....... continue a leitura

Ler artigo completo

Nossas Mídias Sociais